Os camaradas

0

Acabaram-se as férias e os estudantes voltavam para o colégio. O pequeno búfalo e coiote conversavam animadamente a caminho das aulas.

– Haverá novos alunos em nossa turma? pergunta o pequeno búfalo.

– Não acredito. Esta cidade é muito pequena e são poucos os animaizinhos que podem vir estudarem nosso colégio, responde o sabichão do coiote.

Há uma grande animação à porta da escola. Numerosos grupos conversam separadamente e, de momento não se veem rostos novos.

A turma do pequeno búfalo e do coiote está cheia. Os alunos, ocupados cumprimentando-se, não reparam no raposinho que, triste e apoquentado, procura passar despercebido num canto.

– Queridos alunos, apresento-lhes o raposinho, seu novo colega, disse a professora. Espero que se deem bem com ele.

O raposinho, por azar, não se adapta ao ambiente. Os grupos estão formados já, desde tempo e ninguém quer dar espaço ao novo aluno. O pequeno búfalo e o coiote, vendo o isolamento de raposinho, convidam-no para participar de seu grupo. A partir disso, os cinco camaradas inseparáveis tinham-se tornado seis.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.