O urso e a raposa

0

Um urso passava o tempo contando como gostava dos homens.

– Não vou lá perturbar nem estraçalhar os homens quando eles morrem – disse ele.

A raposa respondeu com um sorriso:

– Eu ia ficar mais convencida de sua bondade se você não costumasse comer os homens vivos!

Moral: Mais vale ter pena dos vivos que respeito com os mortos.

Do livro: Fábulas de Esopo – Companhia das Letrinhas

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.