O gatinho glutão

0

Era uma vez um gatinho que gostava muito de sardinhas, mas raramente encontrava alguma. Um dia, chegou a um mercado ambulante, onde muitos vendedores ofereciam suas mercadorias ao público que passava por ali. Reparou em um homem que vendia peixe e viu uma caixa cheia de sardinhas bem ao seu alcance. Transtornado pela fome, começou a vigiar, e, num momento de distração do vendedor, saltou com grande agilidade sobre o balcão e arrebatou uma bela sardinha que se achava exposta. O homem, enfurecido, desatou a correr atrás do gato. Mas ele velozmente atravessou um campo aberto e só foi parar quando chegou às margens de um arroio, que corria lentamente entre a pastagem. Em suas límpidas águas, o gato viu algo que o encheu de inveja: outro gato parecia estar perto dele, levando na boca uma sardinha maior que a sua. Como era possível? Não podia admitir!

Sem pensar um só momento, o gato atirou-se à agua, tentando arrebatar ao outro a suculenta sardinha. Logo compreendeu que não existia outro gato, nem outra sardinha. Na realidade, havia contemplado a própria imagem, deformada e ampliada, refletida na água. Teve que empregar todas as suas forças para sair da água são e salvo. A sardinha, porém, havia desaparecido no fundo do riacho.

Aprendeu uma amarga lição: em vez de contentar-se com a sardinha que tinha obtido, deixou-se levar pela ambição e pela gula.

Amiguinho, você deve pensar no conteúdo desta história, para que não cometa erros como este.

você pode gostar também

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.